Vereador Zé Valdeci; “A arma dos incompetentes é a mentira em Barra de São Francisco”

696
Vereador Zé Valdeci
Vereador Zé Valdeci

O vereador Zé Valdeci (PT) de Barra de São Francisco fez um desabafo em sua rede social (facebook), sobre as mentiras pregadas a respeito da retirada de torres de celular da Vivo no município.

Leiam na integra o desabafo do vereador:

Considerando que a administração municipal atual de Barra de São Francisco passou três anos sem fazer quase nada que possa se considerar de alta relevância para a maioria da população francisquense (sendo este um ano de eleições municipais, lógico), vão precisar criar estratégicos discursos para a campanha eleitoral antecipada, usando rádios e outros mecanismos, como reuniões nas comunidades, para justificar o abandono, sobretudo aos munícipes agricultores.

Prova disso é que já estão começando a espalhar mentiras e boatos contra quem faz qualquer tipo de oposição a eles. Recentemente ficamos sabendo que estão espalhando por aí que foram os vereadores de oposição que fizeram denúncia referente às torres de telefonia rural, que foram instaladas de forma irregular.

Penso que, ou eles estão desinformados ou estão usando de má fé mesmo para tentar manchar o nosso mandato. Pois em conversa com o senhor Jainer José Abdalah Mendonça, Assessor Técnico e Coordenador do Programa Energia Produtiva e Comunicações Rurais, da SEAG, esclareceu-se que é a própria operadora Vivo, tomando ciência da a irregularidade, efetuada pela empresa que instalou o equipamento, solicitou para a Anatel, a retirada do sinal.

Mas para refrescar nossa memória, em 2013, foi encaminhado para a Câmara Municipal Legislativa, um Projeto de Lei de autoria do senhor Prefeito Luciano Henrique Pereira (DEM), cancelando três milhões do orçamento da Agricultura, sob a alegação de que esse dinheiro estava sobrando e a Secretaria não tinha nenhum planejamento para investimento do mesmo. Projeto que votei contra, mas foi aprovado pela maioria dos nobres edis.

Enfim, o fato é que, se houvesse interesse por parte da gestão, esse dinheiro, daria para adquirir seis torres de telefonia móvel rural e nós, moradores do campo, não estaríamos hoje isolados e incomunicáveis. Concluindo, podemos ver que, com calúnias e difamações, boatos e especulações, elege-se e mantém muitos corruptos no poder público.