Valézio questiona falta de pagamento a contratados e aposentados da prefeitura francisquense

533
Valézio Armani
Valézio Armani

O vereador Valézio Armani (PSD) usou sua página no facebook esta semana para questionar a falta de pagamento do 13º salário, por parte da prefeitura, de servidores contratados e aposentados. Ele ressalta que a Câmara Municipal aprovou suplementação de R$ 15 milhões em dezembro, para pagamento de pendências, inclusive pagamento aos funcionários.

Segundo o vereador os funcionários contratados e os aposentados da prefeitura não receberam suas rescisões contratuais de trabalho e nem o 13º salário. Além disso, Armani disse que alguns funcionários que tem direito a férias, não estão recebendo o que lhes é de direito.

O vereador lamentou a atitude do prefeito, afirmando que “não se entende os motivos do não pagamento desses direitos, já que quem teve o contrato rescindido precisa receber, bem como os aposentados que já prestaram serviços ao município. Agora nem os que estão saindo de férias, estão recebendo seus direitos, o que é um absurdo”, classificou.

Vacinadores

Outro grupo de funcionários que também está sem receber seus proventos é o de vacinadores – o governo manda verba e incentiva os vacinadores a trabalharem em horários específicos em campanhas diversas, mas desde março do ano passado que esta verba não foi repassada aos Agentes de Saúde e funcionários de combate a endemias – vacinação de humanos e de animais.

“Onde está esta verba? Por qual motivo não se presta contas do setor de Saúde, sendo que tal apresentação sempre ocorre periodicamente? Aliás, isso já deveria ter sido feito, mas até o presente momento, não se sabe nada sobre esta prestação de contas”, justificou.

Professores e Cuidadores

Valézio denunciou ainda que foi procurado por diversos professores e cuidadores para tentar descobrir o motivo do desconto de até R$ 600,00 do salários. “Por que também os cuidadores receberam R$ 400,00 apenas de seus vencimentos”?

Valézio Armani classifica ainda de vergonhosa tal situação e exige que o prefeito Luciano Pereira, venha a público se explicar e prestar esclarecimentos para a sociedade francisquense. “Ele precisa ser honesto e dizer a verdade e os motivos que o levaram a tomar tais decisões. Não adianta ele ir na sua rádio e dizer que está tudo bem, porque não está. São denúncias sérias que precisam obter respostas imediatas”, lamentou.

Por: José Carlos Madureira