Técnica de enfermagem é a primeira a receber vacina no Hospital

1156

Silvani Ferreira trabalha há mais de 20 anos no HDAMF. Médica referência em Covid no hospital também recebeu a primeira dose da vacina.

A médica Cintia Lacerda Diniz dos Santos recebeu a vacina: ele é referência no tratamento da Covid no hospital (Foto: Gilberto Gil/Secom/BSF)

Os servidores do Hospital Doutor Alceu Melgaço Filho (HDAMF) começaram a receber, na manhã desta quinta-feira (21), a primeira dose da vacina contra a Covid19. O secretário de Saúde do município, Gustavo Lacerda, que também é o vice-prefeito, disse que todos os protocolos e orientações da Secretaria de Estado da Saúde estão sendo seguidos em obediência à ordem de prioridades para receber a vacina.

A primeira servidora a ser vacinada foi Silvani Ferreira da Silva, técnica de Enfermagem, que trabalha há mais de 20 anos no hospital estadual em Barra de São Francisco. A equipe que estava de plantão está sendo toda vacinada. O primeiro profissional médico a receber a vacina foi a médica Cintia Lacerda Diniz dos Santos, que é clínica geral e médica de referência de tratamento de Covid no HDAMF.

No final do dia, a Secretaria Municipal de Saúde vai divulgar os resultados do segundo dia de imunização na cidade. A previsão é de vacinar 105 servidores do hospital estadual. As vacinas integrantes do primeiro lote de Coronavac, adquirida pelo Governo do Estado, chegaram ao município na manhã desta quarta-feira (20), trazidas por servidores da Superintendência Regional de Saúde de São Mateus.

“As vacinas estão sendo controladas por chips e vêm com a destinação de serem aplicadas em idosos internados em instituições oficiais e o pessoal da linha de frente da saúde”, disse Gustavo Lacerda, secretário municipal de Saúde e coordenador da campanha local.

Segundo Gustavo, foram vacinadas 65 pessoas idosas acima de 60 anos internadas em abrigos e também a pessoa mais idosa viva no Estado, dona Maria Rita Pereira, de 114 anos. Foram vacinados todos os acolhidos na Instituição de Permanência de Longo Prazo (ILPI), antigo abrigo de idosos David José Rodrigues, cuja administração, por exigência do Ministério Público Estadual, foi assumida pela Prefeitura. O abrigo foi transferido para a Escola Família Agrícola, no Córrego Queixada.