Suspeito de matar ex-mulher e filho em Vila Pavão é preso na Bahia

3223

70O empresário José Antônio Bastos, 31 anos, foi preso na manhã desta quinta-feira (08/09/2016) pela Polícia Militar na cidade de Itapetinga, região sudoeste do estado da Bahia. Ele é suspeito de matar a ex-companheira Nalva Bening, 34 anos e seu filho Vitor Bening Reetz, 18 anos.

De acordo com o tenente-coronel Sebastião Aleixo Batista, Comandante do 2º BPM, os crimes aconteceram na cidade de Vila Pavão na noite do dia 08 de agosto desse ano. Na ocasião mãe e filho foram brutalmente assassinados dentro de casa por disparos de arma de fogo, efetuados por um homem desconhecido, que fugiu após os crimes.

Nalva foi encontrada morta na cozinha de sua casa com três perfurações de arma de fogo, já o Vitor foi encontrado morto no banheiro, também alvejado por três disparos. A filha do empresário com a vítima, uma menina de 7 anos presenciou o duplo homicídio e pediu socorro aos vizinhos. Ela contou que um homem encapuzado invadiu a casa e primeiro atirou na mãe e depois foi até o banheiro onde estava seu irmão e o matou.

O caso foi amplamente divulgado pela imprensa local e gerou repercussão nacional.

Segundo o tenente-coronel Aleixo, após o duplo homicídio, os Agentes do Serviço de Inteligência do 2º BPM e Investigadores da Polícia Civil realizaram levantamentos e descobriram que o principal suspeito de ser o mandante do crime, era ex-companheiro da vítima.

Os fatos foram levados ao conhecimento do Ministério Público e do Poder Judiciário de Nova Venécia, que resultou na expedição de um mandado de prisão preventiva e outro de busca e apreensão.

De posse dos mandados os Militares do 2º BPM e Investigares da PC realizaram diligências objetivando localizar e consequentemente prender o suspeito, porém após várias buscas obtiveram informações de que o empresário se encontrava na cidade de Itapetinga. Foi solicitado apoio do Serviço de Inteligência da 8ª Companhia Independente daquele estado, os quais deslocaram ao Bairro Quintas do Morumbi e por volta das 8h50min prendeu o empresário.

Durante o cumprimento dos mandados, foi detido também um homem de 23 anos, suspeito de ter sido o autor do duplo homicídio. Na residência foram apreendidos grande quantidade de dinheiro, celulares, folhas de cheque, uma motocicleta e outros materiais.

A dupla foi encaminhada à Delegacia de Polícia Civil de Itapetinga, com os materiais apreendidos. O empresário negou o crime.