Solidariedade: Moradores de Lajinha de Pancas viajam 56 Km para doar sangue

134

As notícias que envolvem doação sanguínea, em geral, alertam para o baixo estoque dos bancos de sangue. Um grupo de Lajinha, no interior de Pancas. Noroeste do Estado, porém, está tentando mudar este cenário. Ao todo, cerca de 300 moradores se revezam há seis anos para contribuir com o Hemocentro de Colatina.

Uma vez por mês, cerca de 40 pessoas saem do distrito por volta das 6h30, pegam um ônibus, passam por três estradas estaduais, para, então, chegar ao destino, no centro colatinense, antes das 8h. Desde o surgimento da atividade, nem sempre tal frequência conseguiu ser cumprida, mas há dois anos a rotina tem sido bem-sucedida.

O sucesso mais recente reflete também o crescimento da iniciativa. “Tudo começou com um grupinho de estudo bíblico na Igreja Santa Ana. No final, eles pediram um gesto concreto de boa ação e aí decidiram pela doação de sangue, que vem caminhando até hoje”, contou um dos colaboradores, Carlos Antônio Vilarino Leal.

Atualmente, a Prefeitura de Pancas banca o transporte do grupo, que geralmente pede ajuda ao comércio local para o lanche da viagem. As datas para a doação seguem um cronograma do próprio Hemocentro de Colatina, que também conta com a colaboração de grupos de outras quatro cidades: Marilândia, Barra de São Francisco, Baixo Guandu e São Roque do Canaã.

A dinâmica auxilia o pleno funcionamento do banco de sangue. “Aqui, nós temos esse tipo de agendamento, com grupos, que facilita o gerenciamento do estoque e da distribuição de sangue”, afirmou Cleber Maia Filho, médico responsável técnico pelo hemocentro. “Mas vale lembrar que todos os doadores são importantes”, completou.

Único banco de sangue estadual do Noroeste do Espirito Santo, o Hemocentro de Colatina assiste três hospitais municipais (Sílvio Avidos, Santa Matia e São José) e dois estaduais, em Barra de São Francisco e Baixo Guandu. Atualmente, a maior demanda é por sangues de Rh negativo. Para doar, basta estar em boa saúde, pesar mais de 50 kg e ter de 18 a 69 anos.

Serviço

Hemocentro Regional de Colatina

Rua Cassiano Castelo, s/n – Centro – Colatina/ES

Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, das 7h às 13h.

Fonte: gazetaonline