Real Noroeste sofre apagão dentro e fora de campo e é eliminado pelo Criciúma

765

esporteEmbalado pela classificação antecipada para a segunda fase do Capixabão, o Real Noroeste entrou em campo esperançoso em conseguir um bom resultado na primeira rodada da Copa do Brasil contra o Criciúma, que vive um princípio de crise no Campeonato Catarinense, onde não vence há três jogos. Mas o que se viu no estádio José Olímpio da Rocha foi um passeio da equipe catarinense, que fez 4 a 1 sem dificuldade e eliminou o time merengue sem direito a jogo da volta.

A partida começou com 20 minutos de atraso por causa de uma queda de energia cerca de uma hora antes do horário previsto para o início da partida. O incidente ocorreu após um carro bater em um posto nas proximidades do estádio.

Com a energia restabelecida, a partida começou quente.

O Real começou melhor, mas em um lance de bola parada, os visitantes deram uma ducha fria nos capixabas. Em cobrança de falta pelo lado esquerdo, Barreto mandou a bola no primeiro pau, a zaga merengue cochilou e o zagueiro Joílson não teve dificuldades para abrir o placar aos 17 minutos para o Criciúma.

E não demorou muito para os visitantes ampliaram. Aos 21, o atacante Lucca já construía o placar que eliminaria a partida de volta.

Após abrir dois gols de vantagem, o Tigre se mostrou satisfeito com o resultado e começou a levar o jogo em ritmo mais lento, apostando nos contra-ataques. O atual campeão da Copa Espírito Santo se lançou ao ataque, mas perdeu muitas oportunidades ainda no primeiro tempo.

O segundo tempo começou na mesma toada, com o Real tentando diminuir o prejuízo. Mas assim como na etapa inicial, aos 13 minutos, quando o time da casa era melhor, o zagueiro Joílson aproveitou bola alçada na área por Lucca e ampliou a vantagem do Criciúma: 3 a 0.

E não parou por aí. Aos 26, após lance polêmico onde os jogadores do Real ficaram pedindo falta, o meia Lucca – o melhor em campo – tabelou com Kalil e aproveitou para anotar o quarto.

E quando o jogo parecia que terminaria dessa maneira, saiu o gol de honra do Real Noroeste. No apagar das luzes, aos 44, Morotó entrou pelo meio e passou para Iverton, que bateu no canto esquerdo e diminuiu.

Estrela

As esperanças do futebol capixaba no torneio recaem agora no Estrela do Norte, que vai encarar o Sampaio Corrêa no próximo dia 1º de abril, às 20h30, no Castelão, em São Luis (MA). No jogo de ida, disputado no Sumaré, o atual campeão capixaba venceu por 3 a 2. Um empate classifica a equipe cachoeirense para a segunda rodada, quando o adversário será o Palmeiras.

FICHA TÉCNICA

Real Noroeste: Harrison; Sebá, Danilo, Jefeson Bahia e Pedrinho; Wanderson (Iverton), Fuskinha, Marcinho (Gustavo) e Nil (Stênio); Fábio Pena e Morotó. Técnico: Wagner Oliviera

Criciúma: Luiz; Maicon Silva, Rafael Pereira, Joílson, Rômulo; Ruan (Iago), Barreto, Roger Guedes e Cleber Santana (Natan); Lucca e Bruno Lopes (Kalil). Técnico: Luizinho Vieira

Estádio: José Olímpio da Rocha (Águia Branca)

Árbitro: Pathrice Wallace Correa Maia (RJ)

Gols: Joílson, aos 17; Lucca, aos 21 minutos do primeiro tempo. Joílson, aos 13, e Lucca, aos 26; e Iverson, aos 44 minutos do segundo tempo.

bola

estadio