Prefeito de Barra de São Francisco está “enrolando” universitários há quase 3 anos

692

7777Um acordo firmado entre a prefeitura de Barra de São Francisco e a Câmara Municipal objetivando ajudar no transporte escolar dos universitários está causando a maior polêmica já vista ou presenciada pelos estudantes. Durante a campanha eleitoral de 2012 o candidato que hoje é prefeito, Luciano Pereirinha (DEM), discursou em alto e bom som pelo município afora, que pagaria o transporte escolar dos universitários integralmente, ou seja, 100% uma vez que na gestão do ex-prefeito Waldeles Cavalcante (PSC), ele pagava 50% do transporte dos universitários.

Pois bem, Pereirinha ganhou as eleições e, depois de quase três anos de administração não cumpriu com sua promessa, enganou a todos, mentiu em palanque e agora apronta mais uma de suas façanhas.

O prefeito até hoje não repassou nem um centavo prometido na campanha, ficando os alunos obrigados a pagar o valor total do ônibus. Diante da cobrança dos alunos, da promessa de campanha, o prefeito depois de dois anos, disse que só pagaria uma parte daqui para frente se a Câmara devolvesse mensalmente o valor do Imposto de Renda que hoje gira em torno de R$18 mil.

A Câmara está fazendo a devolução desde março deste ano, tendo pago cinco parcelas de R$ 18 mil, ou seja, R$ 90 mil e até agora os universitários não receberam nada. “O ex-prefeito Waldeles foi homem com todos nós e cumpriu com a palavra, pois ele pagava direto à empresa de ônibus”, disse um universitário.