Prefeito de Água Doce do Norte morre vítima da Covid-19

182
Paulo Márcio Leite Ribeiro, de 50 anos

O prefeito de Água Doce do Norte, Paulo Márcio Leite Ribeiro, de 50 anos, morreu vítima da Covid-19 por volta das 23 horas desta quarta-feira (22). Ele estava internado há 17 dias em um hospital de Colatina, no Noroeste do Estado. Ontem, o quadro de saúde dele teve uma piora e ele entrou em coma.

“Nós estávamos orando, mas, infelizmente, não teve jeito. Ontem, por volta das 23 horas, ele veio a óbito. Ele estava entubado, os rins já tinham parado. Estavam forçando o coração dele para funcionar e ele não resistiu”, afirmou o aliado político Clevernei de Almeida Rezende.

Na manhã desta quinta-feira (23), o governador Renato Casagrande se manifestou numa rede social informando que o Governo do Estado decreta luto oficial de três dias pela morte do prefeito.

“Recebo com muita tristeza a notícia do falecimento do prefeito Paulo Márcio. Mais uma vida interrompida pelo coronavírus. Desejo que familiares e amigos encontrem em Deus o conforto diante deste momento de tamanha dor” – escreveu o governador.

Paulo Márcio é a quinta vítima fatal de covid-19 em Água Doce do Norte, município com 11.019 habitantes, segundo a população estimada pelo IBGE em 2019, e que registrou 109 infectados pelo coronavírus na quarta-feira conforme dados do Painel Covid-19 do Espírito Santo.

Paulo Márcio estava na UTI do Hospital Maternidade São José, em Colatina, desde o dia 6, onde permaneceu internado por 17 dias. O quadro de clínico dele teve várias oscilações entre melhora e piora.

Um grupo de moradores de Água Doce do Norte planejou um cortejo fúnebre na manhã desta quinta-feira, saindo da localidade de Governador Lindenberg, Rio Preto, passando pela sede, até Santo Agostinho, onde mora a maior parte da família de Paulo Márcio e onde o pai dele, conhecido como Dezinho, está enterrado.