Policiais de Barra de São Francisco estouram boca de fumo e levam acusados para a prisão

1061

IMG-20160110-WA0002Policiais militares do 11º BPM de Barra de São Francisco estouraram uma boca de fumo no bairro Irmãos Fernandes, na madrugada deste domingo, 10/01/2016, por volta das 03h30, após receberem denúncias de que traficantes estariam comercializando drogas no bairro Carabina e Campo Novo.

Denúncias anônimas davam conta da existência de tráfico de drogas, no bairro, onde o entra e sai era muito grande, chegando ao ponto de despertar curiosidade em todos que residiam nas proximidades.

Em uma atuação mais que espetacular por parte da polícia, eles chegaram ao local denunciado e logo depararam com Thiago da Silva Medina, mais conhecido como Tuti e Aiolamael Menezes de Souza, que estariam em uma moto onde iriam fazer a entrega de drogas.

O condutor da moto conseguiu fugir da polícia, mas Aiolamael não conseguiu o mesmo contento e ficou garrado nas mãos dos homens da lei. A droga seria entregue nos bairros Carabina e Irmãos Fernandes. Para tentar ludibriar os PMs, Aiolamael chegou a jogar parte da droga no chão, o que seria 06 pedras de crack.

Aiolamael vendo que a casa havia caído para ele, disse aos policiais que em sua casa tinha mais drogas. Policiais se deslocaram até a casa dele onde foi encontrado mais 10 pedras de crack em meio as suas roupas.

De acordo com a polícia, Tuti mora no mesmo prédio que Aiolamal, e que os dois seriam sócios na venda de drogas em Barra de São Francisco. Já na casa de Thiado, ou Tuti, como queiram, policiais encontraram munições e grande quantidade de maconha, crack e cocaína. Foi encontrado ainda muito dinheiro na casa de Tuti e a polícia acredita que seja proveniente do tráfico de drogas, além de vários celulares.

Na casa de Tuti havia um menor, D.V.S que também foi apreendido. De acordo com o boletim de ocorrência policial (B.O), Tuti já tem várias passagens pela polícia por tráfico de drogas, e é apontado como um dos principais fornecedores de drogas no bairro Irmãos Fernandes.

Todos os envolvidos foram conduzidos a delegacia de polícia civil de Barra de São Francisco, bem como todo o material apreendido.

IMG-20160110-WA0004 IMG-20160110-WA0005 IMG-20160110-WA0007 IMG-20160110-WA0009