“Pisou no tomate”: Luciano Pereirinha deixou funcionários sem salários

1970

55O prefeito Luciano Pereira (DEM) esperava fechar seu mandato com chave de ouro, mas falhou, como falhou durante os quatro anos. Os servidores efetivos não receberam o pagamento do mês de dezembro de 2016, bem como vários aposentados e os contratados, que foram exonerados em novembro não receberam a rescisão como prometido por ele.

Luciano exonerou seus “companheiros” no final do mês de novembro, protendo pagar a rescisão em dezembro. Eles passaram o natal sem dinheiro e agora amargaram também a virada de anos sem um centavo no bolso.

No sábado, 31 de dezembro de 2016, a frustração dos servidores era grande. Nos caixas eletrônicos dos bancos eram lamentações e muita tristeza, pois muitos acreditavam que o dinheiro estaria lá. Muitos que fizeram planos para a virada de ano se decepcionaram ao encontrar a conta zerada.