Pereirinha não reduz gastos e prefeitura de Barra de São Francisco tem muito chefe pra poucos índios

536

40A crise financeira que atinge todo pais tem obrigado gestores públicos sérios a adotarem medidas que visem a diminuição dos gastos e uma maior eficiência na aplicação dos recursos.

Na tarde de segunda-feira, 26/10/2015, o prefeito da Serra, um dos que mais arrecadam no Estado, adotou várias medidas visando a diminuição dos gastos principalmente com a folha de pagamento. Dentre as medidas está a redução de seu próprio salário.

Ele passará a receber pouco mais de R$ 12 mil. Também o salário do vice foi reduzido. Ao que parece somente a prefeitura de Barra de São Francisco não está sentindo os efeitos da crise, pois até o momento nenhuma medida foi anunciada pela atual gestão. Nos valores atuais o prefeito de Barra de São Francisco tem um salário maior do que o prefeito da Serra.

Outra medida adotada na Serra foi a diminuição de cargos comissionados, medida esta também adotada por outras prefeituras, entre quais a de Ibatiba, que eliminou os cargos em comissão em 100%.

Na prefeitura francisquense, conforme dizem servidores efetivos, existem três chefes de setor para cada três servidores trabalhando, na Secretaria de Transportes, Serviços e Saúde. Tem chefe para todo lado. O que falta mesmo são servidores que executem atendimento direto à população, principalmente na limpeza urbana e saúde.