Pais são “humilhados” em filas para tentar matricular seus filhos em São Gabriel da Palha

2826

41 O prefeito Henrique Vargas (PRP/ES), de São Gabriel da Palha, em seu mandato não conseguiu ainda abrir uma creche ou escola. A educação no município vive uma crise, com escola abandonadas, destruídas, onde falta o básico, e o principal que falta são vagas nas creches municipais, onde existem longas listas de espera.

Desde a semana passada pais vivem dormindo em frente as creches na esperança de conseguir uma vaga para matricularem seus filhos, pois o município não garante educação para as crianças, o que é um direito garantido por Lei, que está sendo desrespeitado.

A deficiência do ensino no município, começa com a falta de creche, implicando diretamente na vida das crianças gabrielenses, trazendo, inclusive revolta nas famílias.

A oferta adequada de creche é uma excelente política pública educacional de inclusão social, porque transfere indiretamente renda para a família, mas o município de São Gabriel da Palha não consegue cumprir com o básico.

Mas há um impacto positivo maior na família, pois permite que os pais trabalhem sem que deixem os filhos em situação de vulnerabilidade aos cuidados de terceiros. Atualmente os recursos aplicados em creches no município de São Gabriel da Palha são mínimos.

O investimento em creches que deveria ter sido realizado pelo prefeito, impacta positivamente a vida das crianças e de suas famílias, além de facilitar a vida dos pais em seu trabalho e afazeres.

As crianças iniciam seu relacionamento coletivo infantil na creche, por meio de atividades pedagógicas, elas se desenvolvem rapidamente e chegam ao ensino fundamental praticamente alfabetizadas. Fora da creche, as crianças perdem um tempo precioso da vida educacional.

“Estamos aqui virando noites nessa fila, na esperança de conseguir uma vaga para minha filha, correndo riscos aqui, mas sabemos já que existe poucas vagas, chega de promessas, esse prefeito explanou uma área de terra no bairro Jardim Vitória e disse que lá seria construído uma creche, mas só foi mesmo promessa mesmo de político sem compromisso com a educação”, disse uma mãe revoltada, que pediu para não ser identificada.

“Precisamos urgentemente de ajuda da justiça, do promotor, pois não podemos jamais conformar-se com tal descaso com as nossas frágeis crianças. É bom lembrar que o futuro dependerá delas. Esse prefeito parou no tempo, não fez nada para nosso município, queremos vagas na creche para as crianças, só foi promessas, engraçado que a maioria dos vereadores ficam apoiando tudo isso e nada fazem, mas o ano da eleição está chegando”, disse um pai revoltado, que pediu para não ser identificado.

42 43 45 46