Padaria Bela Vista sofre mais é bicampeã no futsal de Mantena

538

41A equipe jogava pelo empate no tempo normal, mas, perdeu o jogo por 2×1, na prorrogação de cinco minutos fez o gol de tiro livre e chegou ao bi campeonato da II Copa Droga Minas de Futsal e Handebol em Mantena. A.E. Mantena e Projeto Clínicas de Craques são os campeões no handebol masculino e feminino. Prefeito Dr. Wanderson Coelho compareceu para entregar premiação em dinheiro, troféus e medalhas para os campeões, vice, e destaques.

Nesta quinta feira, (23/07), a torcida compareceu em massa ao Poliesportivo Raimundo Maria em Vila Nova para assistir aos três jogos decisivos pela II Copa Droga Minas de Futsal e Handebol em Mantena.

HANDEBOL MASCULINO

No primeiro jogo da noite o A.E. Mantena, com escretes a nível regional, venceu a Cevin. O jogo foi parelho e a Cevin resistiu até aos dez minutos da segunda etapa, depois, o A.E. Mantena impôs o seu ritmo e fez valer a sua maior categoria dentro de quadra com jogadas rápidas e de efeito e finalizações certeiras tudo isso aliado a um bom poder de marcação que parou os jogadores adversários, ao final o titulo da competição valeu muito, até mesmo pelo poder de recuperação da equipe dentro da competição que começou mal, mas, não se entregou e conseguiu o feito de ser Campeão Mantenense de Handebol Masculino.

HANDEBOL FEMININO

Na decisão do handebol feminino o Projeto Clínica de Craques se mostrou soberana e venceu sem muitas dificuldades a equipe do Handrusty pelo placar de 29X19, dez bolas de diferença. Sem desmerecer todas outras jogadoras da equipe campeã, sem qualquer sombras de duvidas, a jogadora Nathalia Guerra (Clínicas) carregou literalmente o time nas costas durante toda competição, além de ser a artilheira ela orquestrou dentro de quadra um time coeso e habilidoso, rápido e muito novo que não se deixou parar por nenhuma outra equipe.

Na decisão mais uma vez foram soberanas, e se o Professor Del não tivesse dado um descanso no último jogo da fase de classificação e não tivesse entrado com um time reservas estariam se tornando campeões invictos, show de bola, show de handebol.

FUTSAL MASCULINO

Na decisão mais aguardada da noite a torcida pode vibrar nas arquibancadas, Padaria Bela Vista e Vila Som jogaram um futsal de pegada, muita marcação e entrega dos jogadores dentro de quadra buscando o título.

O Vila Som tinha uma missão muito difícil, parar a Padaria Bela Vista que no primeiro jogo o venceu por 5×0, e buscar a vitória no tempo normal de jogo. Depois de um primeiro tempo de oportunidades perdidas e de boas atuações dos goleiros Charles Dedão (que voltou ao gol como titular da equipe) e Danilo, as equipes voltaram para a segunda etapa dispostas a saírem de quadra com a vitória.

O Vila Som abriu a contagem com Ivan Cabeça, depois de jogada rápida ele chegou batendo sem chances para o goleiro, o empate veio com o destaque da Padaria Bela Vista na competição e no jogo, o ala Felipe, que recebeu em boas condições uma trama armada com toque de bola peculiar da equipe e livre na frente do goleiro bateu para o gol.

O empate neste instante dava a conquista para a Padaria Bela Vista que nos últimos instantes sentiu que as coisas seriam mais difíceis ao tomar o segundo gol que aconteceu depois de um bate rebate com seu próprio atleta jogando contra as redes, estava estabelecido o placar de 2X1 e o Vila Som havia conseguido vencer a primeira parte da missão cumprida, o jogo foi para prorrogação de cinco minutos.

O GOL E A VITÓRIA

Com a derrota por 2×1 no tempo normal a Padaria Bela Vista então passou a buscar o resultado, satisfeito o Vila Som que havia cometido cinco Com a derrota por 2×1 no tempo norma a Padaria faltas jogava com cuidados para não cometer a próxima falta que seria tiro livre direto, ela então apenas se defendia na prorrogação e tentava os contra ataques, porém, quando tudo parecia caminhar para decisão nas penalidades, o detalhe das cinco faltas cometidas foi crucial.

Em um destes contra ataques o pivô/ala Ivan Cabeça ganhou na dividida uma bola que poderia até converter em gols, porém se desequilibrou e tocou com as mãos na bola, talvez sem intenção ou sem querer, mas, a arbitragem estava em cima e viu como falta, era a sexta falta, tiro livre direto que Felipe, o destaque do jogo e da competição sendo vice artilheiro com doze gols, bateu bem, sem chances para o melhor goleiro da competição Danilo que nada pode fazer, era o gol da vitória, gol do título, gol do Bi Campeonato da Padaria Bela Vista que comemorou e muito com o apito final do árbitro.