O clima anda tenso na câmara municipal de Barra de São Francisco

1214

dengueO clima anda tenso na câmara municipal de Barra de São Francisco com denúncias sobre farra com diárias, afastamento de vereador, viagens de parlamentares a Brasília e agora aparece o vereador Carlim da Dengue (foto) com uma fita crepe na boca fazendo protesto, segundo ele, contra a ditadura naquela casa de leis.

A viagem de quatro vereadores a Brasília na semana passada, sendo que um, Admilson Brum não pegou diária, mas os demais, Jessui da Cesan, Tiãozinho da Colina e Mulinha, “abocanharam” as diárias no valor de R$ 1.600,000, reais cada um. Os vereadores tiveram passagens áreas e hotel pagos pela prefeitura. Os vereadores gastaram apenas com alimentação.

Admilson Brum alega que foi afastado por 15 dias por perseguição política, onde ele tem denunciado a farra de diárias por parte de alguns vereadores. O presidente da casa, vereador Juvenal Calixto com outros colegas alega que Dbrum foi afastado por quebra de decoro parlamentar.

A população de Barra de São Francisco vem atentamente acompanhando os acontecimentos pela imprensa local e de acordo com várias pessoas os vereadores precisam se posicionar com mais responsabilidade e transparência. A farra com diárias tem desgastado muito a imagem da câmara municipal.

O prefeito também é alfo de constantes criticas, pois além de não ser transparente, tem agido com truculência, trata mal as pessoas e já está sendo considerado como o pior prefeito da historia politica de Barra de São Francisco.