Na “pressão” professores francisquenses conseguem aumento salarial, agora é a vez das outras categorias

515
Aqui nasceu os primeiros movimentos da categoria
Aqui nasceu os primeiros movimentos da categoria

Graças a pressão deste site e dos professores de Barra de São Francisco, os profissionais do magistério em Assembleia realizada nesta quinta-feira, 26/02/2015, decidiram a proposta de reajuste salarial apresentada pelo prefeito municipal. Pela proposta aceita os profissionais do magistério terão um reajuste salarial de 15,25%. Com a proposta aceita os profissionais agora aguardam que o projeto de lei seja encaminhado para apreciação da Câmara Municipal.

O reajuste a ser concedido foi fruto da mobilização da categoria que desde o início do ano tem cobrado e buscado seus direitos. Agora as demais categorias de servidores públicos também deverão se mobilizar, pois os mesmos há anos não recebem reajuste salarial.

Para se ter uma ideia um pedreiro da prefeitura está recebendo seu salário base em torno de R$ 750 reais, assim também acontecendo com diversas outras categorias. É hora dos servidores irem à luta por seus direitos.

“Gostaria de agradecer o programa Ronda Policial através do Elvécio Andrade que nos deu total apoio para que a gente conseguíssemos nossas reivindicações”, disse um professor.