Mulher é presa acusada de matar o companheiro com facada em Linhares

316
Gelciney Gonçalves Lopes

Uma mulher de 53 anos foi presa nesta segunda-feira (02/03/2020) no município de Linhares, no Norte do Espírito Santo, sob a suspeita de matar o marido com um golpe de faca. Gelciney Gonçalves Lopes, de 37 anos, levou uma facada na coxa e morreu após perder uma grande quantidade de sangue.

O crime aconteceu na noite do último domingo (1) em uma casa de madeira localizada no bairro Três Barras, onde o casal, que mantinha um relacionamento há cerca de três anos, morava.

De acordo com o delegado responsável pela investigação do caso, Tiago Cavalcante, o crime aconteceu durante uma briga entre o casal.

“Embora ela tenha tentado esconder um fato ou outro, chegamos à conclusão de que foi ela quem ocasionou a morte dele através dessa lesão. Pela lesão, a gente nota que não havia a intenção propriamente de matar, mas foi ela quem ocasionou a morte da vítima por meio de um sangramento contínuo”, explicou o delegado.

Segundo testemunhas, a mulher, que não teve a identidade revelado, e Gelciney mantinham uma relação conturbada, com histórico de discussões, de agressões e uso excessivo de álcool. Em novembro de 2018 o homem chegou, inclusive, a ser preso por violência doméstica.

A mulher foi presa em flagrante e encaminhada à delegacia. Ela responderá à Justiça por lesão corporal seguida de morte, crime com pena de reclusão de quatro a 12 anos.

“Ela demonstra uma naturalidade estranha e tenta montar uma versão de que foi um acidente, foi uma legítima defesa. Mas não ficou claro, isso não tem o amparo de testemunhas que estavam no local, que puderam escutar. Mais especificamente de uma testemunha, que deu dinâmica dos fatos diferente da que ela apresentou”, afirmou o delegado.

Fonte: g1