Mecânico fica mais de 24 horas desmaiado após ser assaltado e espancado em Barra de São Francisco

2920
Julimar Salazar, ficou de sábado até esta segunda desmaiado em casa

Um assalto ocorrido no último sábado, 20/01/2018, no bairro Vila Landinha em Barra de São Francisco só foi descoberto na manhã desta segunda-feira, 22/01, na parte da manhã, quando Elias Silva Salazar, chegou na oficina e não encontrou seu irmão, o mecânico Julimar da Silva Salazar, como de costume.

Elias então foi procurar pelo irmão Julimar na casa dele, que fica em cima da oficina onde ele trabalha, e o encontrou todo ensanguentado. Julimar estava desmaiado dentro de sua casa e não conseguiu pedir socorro, pois ele estava muito machucado.

De acordo com informações passadas pelo 11º BPM, bandidos armados adentraram na oficina de Julimar, o agrediram e o levaram para dentro de sua residência que fica no mesmo prédio que a oficina.

Julimar é mecânico no referido bairro, ele foi assaltado no sábado a noite e após o agredirem bastante os bandidos ainda levaram o cofre onde, segundo informações guardava suas economias, mas não foi informado a quantia levada e nem o que havia dentro do cofre. Os bandidos ainda levaram o telefone celular de Julimar.

As agressões sofridas foram violentas contra Julimar, que ao ser encontrado na manhã desta segunda feira, (22) dentro de sua casa, ele estava desacordado e o levaram para fazer tomografia e passar por exames médicos no hospital Alceu Melgaço Filho para saber da gravidade dos ferimentos, pois ele levou muita pancada na cabeça e pelo corpo

Julimar foi muito forte, pois ele conseguiu resistir as pancadas de sábado até nesta segunda feira pela manhã, quando foi encontrado desmaiado dentro de sua residência.

O irmão de Julimar informou ele estava bastante machucado. Policiais do 11º BPM de Barra de São Francisco sob o comando do Tenente Coronel Luciano Suave, confeccionaram o Boletim de Ocorrência Policial (B.O) e estão trabalhando para descobrir que são os autores do assalto seguido de espancamento. Os policiais da Delegacia de Polícia Civil também estão na luta para capturar os bandidos.