Morre de Covid o agricultor Lourenço Veloso, da Fazenda Veloso, em Nova Venécia

785


Depois de passar 40 dias internado por causa da Covid-19, faleceu na tarde desta terça-feira (16), aos 86 anos, o produtor rural Lourenço da Silva Veloso, tradicional morador da cidade de Nova Venécia.

Amigo da família há décadas, o prefeito Enivaldo dos Anjos (PSD), de Barra de São Francisco, demonstrou “profunda tristeza” pela morte de Lourenço.

“Quero enviar meus sinceros votos de pesar à família. Em minha gestão anterior (1989-92), as ceias de Natal coletivas, que serviam mais de 5 mil refeições, eram possíveis por causa da colaboração inestimável dos Veloso, mas eles nunca quiseram o crédito por isso. Lourenço é o que se pode chamar de homem bom. É uma grande perda”, disse Enivaldo.

Segundo informações da família, Lourenço estava internado em uma Unidade de Terapia Intensiva de um hospital em Vila Velha há mais de 40 dias e não resistiu às complicações causadas pela Covid-19.

Lourenço era agricultor e aposentado. Ele fazia parte do Centro Espírita Senhor dos Passos, na Fazenda Veloso, desde que nasceu, e era membro ativo da comunidade. “Ele sempre ajudou nos serviços sociais com pessoas necessitadas e nas obras do Centro”, disse um sobrinho.

Lourenço deixa a esposa, uma filha, um neto e um enteado. “Ele prezava muito pela família e tinha muito amor”, concluiu o sobrinho.

Seu sepultamento será na comunidade da Fazenda Veloso, nesta quarta-feira (17), às 10 horas. (Da Redação com informações da RedeNotícia)