Laboratório NorteLAB promove campanha “Novembro Azul” em Barra de São Francisco

161

Com o intuito de conscientizar o homem sobre a sua saúde, o Laboratório NorteLAB promoveu no último dia 24 de novembro de 2018, uma campanha de conscientização pela saúde do homem. A prevenção e a detecção precoce do câncer de próstata são os assuntos da vez do Novembro Azul.

Durante toda manhã de sábado foram realizados diversos tipos de serviços além de distribuição de cupons para participar de sorteios de exames e outros brindes oferecidos pelos parceiros que também abraçaram a campanha. Parceiros: Academia Boa Forma, Thais Mendes, Gráfica Barra e Elaine Isgrance Instituto de Beleza.

Para a realização da campanha foi montada uma tenda em frente ao Laboratório NorteLAB, onde as pessoas foram abordadas para um bate papo sobre o tema, além de aferição de pressão arterial e distribuição de informativos contendo o passo a passo como detectar os sintomas do câncer de próstata.

Em 2018, cerca de 68 mil novos casos de câncer de próstata foram detectados no Brasil. A cada 36 minutos, morre um homem vítima deste tipo de câncer no nosso país. De acordo com o médico urologista do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) e chefe do Departamento de Urologia da Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB) Dr. João Luiz Amaro, essa doença pode levar a óbito na fase produtiva do homem, e tem que ser vista com muito cuidado.

“Existem três fatores que predispõem a manifestação do câncer: indivíduos de raça negra, hereditariedade e obesidade. Tudo o que faz bem ao coração também beneficia a próstata: quando o indivíduo se alimenta bem, faz exercícios, não fuma e tem uma vida saudável, contribui para a prevenção não só do câncer, mas de outras doenças da próstata, como as hiperplasias benignas, “por exemplo”, explica Dr. Amaro.

Todos os homens, dos 50 aos 70 anos de idade, precisam fazer o exame de PSA, conhecido como Antígeno Prostático Específico e o toque retal. Os indivíduos que possuem um dos fatores de risco devem realizar estes procedimentos a partir dos 45 anos.