Juiz de Colatina dá prazo de 60 dias para instalar câmeras de vídeo no CDP

501

 

Juiz Menandro Tauffener
Juiz Menandro Tauffener

O Estado do Espírito Santo terá que instalar câmeras de vídeo monitoramento no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Colatina, no prazo de até 60 dias. A decisão é do juiz da Vara da Fazenda Pública do município, Menandro Taufner Gomes, acolhendo o pedido feito pela Defensoria Pública estadual em uma ação civil pública.

Na liminar expedida nessa quinta-feira 23, o magistrado levou em consideração os relatos de presos sobre a prática de tortura por agentes penitenciários da unidade, além do registro da morte de um detento no início deste ano.

O juiz determinou a instalação das câmaras voltadas para as celas dos detentos, além das demais áreas comuns do presídio e arredores durante 24 horas por dia, sem a possibilidade de desligamento do sistema e garantindo a armazenagem das imagens pelo período mínimo de um ano.