Jovem morre esmagado por blocos de granito no interior de Barra de São Francisco

2121

Mais um francisquense morreu nesta terça-feira, 19, durante o trabalho em uma pedreira da Mineradora Guidoni, no distrito de Itaperuna, em Barra de São Francisco.

Thiago Vieira Pacanhã, 22 anos, morreu esmagado após ser atingido por duas rochas de granito. Segundo informações do Sindimármore, que representa os trabalhadores do setor de rochas, o corpo de Thiago Vieira Pacanhã ainda não havia sido retirado do local até as 17h30 de ontem.

O diretor do Sindimármore, Reginaldo Célia, informou que foi à empresa para apurar as informações sobre o acidente. Segundo ele, dois maciços — rochas de onde são extraídos os blocos de granitos — estavam escorados um no outro, quando uma das pedras quebrou e caiu sobre o trabalhador, que passava próximo ao local.

A Polícia Militar foi acionada para a ocorrência e confirmou a morte do trabalhador. Uma equipe da perícia esteve no local, e o Corpo de Bombeiros de Barra de São Francisco também foi acionado para fazer a retirada do corpo. 

Segundo o diretor do Sindimármore, os policiais pediram que os representantes do sindicato saíssem do local, pois ainda havia risco de que outras partes da pedra desmoronassem.

A pedreira pertence ao Grupo Guidoni, que foi procurado pela reportagem, mas informou que ainda está apurando o acidente e não tem um posicionamento sobre o caso. Thiago trabalhava no local como ajudante de pátio e outros dois irmãos da vítima também trabalham na empresa.

Fonte: Noroeste News