“HARMÔNICOS ENTRE SI” Prefeito Luciano, juiz Edmilson e promotor Geraldo “juntos por Barra de São Francisco”

841
Juiz Edmildso, prefeito Pereirinha e promotor Geraldo Abreu
Juiz Edmildso, prefeito Pereirinha e promotor Geraldo Abreu

Aderindo à doutrina de Montesquieu, a Constituição Federal estabelece que os Poderes devem ser independentes e harmônicos entre si.

Em nome desse “ideal de harmonia” é que representantes do Poder Executivo Municipal, do Poder Judiciário e do Ministério Público Estadual aparecem “fazendo pose” na fotografia acima. Faltou apenas o representante da Câmara de Vereadores para completar a “bela imagem”.

Não se sabe do que as principais autoridades desta cidade estavam rindo. Mas, ao que parece, os poderes constituídos em nosso município andam de “mãos dadas” por uma Barra de São Francisco melhor; mesmo que sob a ótica do Executivo, sob o viés do Judiciário, ou sob o crivo do Ministério Público. Sempre “sorridentes entre si”!

Ao Executivo cabe Administrar; ao Judiciário cabe Julgar; ao Ministério Público cabe Fiscalizar. E o que ocorre quando esses “poderes” se misturam?

Parabéns ao prefeito Luciano, ao juiz Edmilson e ao promotor Geraldo por unir forças em prol da nossa região. Somente não esqueçam de que a “harmonia sem independência” equivale à “ausência de freios” e à “inexistência de contrapesos”, o que fere o “espírito das leis” e “gera desconfiança à alma humana” … Pensem nisso!

Lembrem-se também das lições de Aristóteles, Platão, Sócrates, John Locke, Saint Girons, entre outros pensadores.

“As vezes é melhor rir do que andar de bicicleta… Só não vale perder a amizade, e muito menos uma boa gargalhada!”

Enquanto isso o povo (“hummm…”): esse chora, sofre, geme “calado”!  E só Deus sabe quando e onde tudo isso vai parar…

A Separação dos Poderes é fundamental para a Democracia!