Garçom que matou ex-mulher vai para o xilindró em Colatina

491
Esta jovem foi morta pelo ex-marido
Esta jovem foi morta pelo ex-marido

O garçom Eleomar Fraga, 32 anos acusado de matar a facadas a ex-mulher Simone Aparecida Coutinho, 29 está na cadeia. O crime ocorreu na madrugada do último sábado, 8. Ele saiu ontem do hospital e prestou depoimento na Delegacia da Mulher em Colatina, no noroeste do Espírito Santo.

Depois de golpear a Simone com uma faca da casa da vítima no bairro São Miguel, Eleomar fugiu levando a filha de 6 anos no carro. Eleomar confessou o brutal assassinato.

A menina foi entregue por ele a parentes. Por volta das 9h ele tentou se matar com um facão e foi levado para o Hospital Sílvio Avidos sob guarda da Polícia Militar. De acordo com o delegado Fabrício Bragatto o garçom estava bem, foi ouvido e conduzido para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Colatina. Informações da Delegacia da Mulher destacam que Eleomar se mostrou arrependido de ter matado Simone com quem viveu por oito anos.

O casal estava separado há cerca de 15 dias. No seu depoimento contou que não se conformava com a separação e ao tentar se reconciliar a mulher ‘surtou’ ao ouvir que não queria mais nada com ele. Segundo a polícia Eleomar não se lembra de quantos golpes desferiu na vítima nem de ter tentado se matar com golpes de facão no pescoço.

O crime foi cometido na frente de duas crianças, um menino de 11 anos do primeiro casamento de Simone e uma menina de 6 anos filha dela com Eleomar. Segundo a Polícia Militar Simone Aparecida estava dormindo por volta das 3h quando Eleomar invadiu a residência e atacou Simone.Ela chegou a ser socorrida, mas morreu no hospital.

Parentes da vítima confirmaram na delegacia que o acusado ameaçava e a ex-mulher, além de ter sito visto por funcionários rondando o estacionamento do supermercado onde Simone trabalhava no centro de Colatina.

Por: Laili Campostrini Tardin