Fogo cruzado agitam prefeitura e câmara de Barra de São Francisco. Vereador leva até vaias

616
Emerson Lima e Admilson Brum
Emerson Lima e Admilson Brum

Ao anunciar da tribuna da câmara municipal de Barra de São Francisco que estava deixando a liderança de um dos piores prefeitos da história do município, o vereador Emerson Lima acabou levando uma vaia da plateia presente na sessão da última segunda-feira, 09/03/2015.

Não sabendo Emerson Lima, que na denúncia feita pelo radialista Admilson Brum, sobre gastos com diárias e viagens, ele está entre os vereadores que também receberam diárias e ao que parece não são poucas e vai deixar a casa justamente para quem fez a denúncia, no caso Admilson Brum. Como Admilson Brum denunciou os vereadores o Ministério Público acatou a mesma e a câmara agora vai prestar informações.

Depois da denúncia feita por Admilson Brum, o Ministério Público também acatou uma denúncia formulada pelo vereador Carlim da Dengue sobre gastos com viagens áreas e diárias feitas pelo prefeito Luciano Pereirinha. Agora os dois poderes serão investigados e o que se vê é fogo cruzado entre prefeitura e câmara municipal.

Nos bastidores da política local o que rola nas rodinhas de bate papo e nos botecos é a de que Admilson Brum está sendo levado para a câmara municipal com o aval do prefeito, sendo que neste caso ele atuaria até mesmo como um vereador “espião” naquela casa de leis onde Pereirinha não anda nada bem com alguns parlamentares.

Tem até vereador dizendo que Admilson Brum volta a câmara, mas “travado” dos pês a cabeça e que qualquer vacilo dele, quem pode pagar um preço muito alto é o próprio prefeito.

Já o vereador Emerson Lima se licencia da câmara para poder assumir a secretaria de Transporte, onde o clima la dentro é bastante conturbado, sendo que alguns funcionários não comungam com que vem ocorrendo naquele setor, e, inclusive, tem falado abertamente para qualquer pessoa.