Exploração da fragilidade das pessoas doente foi desvendada pelo MP de Barra de São Francisco

1023

03O Ministério Público conseguiu desvendar um dos piores crimes que acontece em Barra de São Francisco que é a exploração da fragilidade das pessoas, pessoas doentes que necessitam do apoio do poder público, mas que na verdade encontraram exploradores à caça do voto, com politicagem inescrupulosa.

O atendimento à saúde é um direito estabelecido no texto da constituição. A maracutaia dos exames já veio à tona, falta agora desvendar o esquema dos possíveis desvios dos remédios. Os remédios são adquiridos e no outro dia não há mais nada na farmácia da prefeitura.

Os remédios são usados para fins eleitoreiros. O pavilhão da humilhação foi colocado à disposição de candidatos a vereadores ligados ao atual prefeito. Vários segmentos da sociedade voltaram a elogiar a atuação do Ministério Público, pelo fato de estar defendendo os direitos da população.