Enivaldo comemora contrato que autoriza porto em São Mateus

374

O deputado estadual Enivaldo dos Anjos (PSD) comemorou a assinatura, nesta terça-feira (12), do contrato em que o Ministério da Infraestrutura autoriza a construção do Centro Portuário de São Mateus, pela empresa Petrocity, na região de Urussuquara, e acredita que, agora, tão logo passe a crise do coronavírus, o projeto poderá avançar.

“Essa obra será a redenção econômica não apenas das regiões Noroeste e Norte, mas de todo o Espírito Santo. Vai gerar emprego e renda, promover uma verdadeira revolução socioeconômica, uma transformação que vai além de nossas divisas estaduais. E depois ainda vem o projeto da ferrovia ligando o porto a Sete Lagoas, passando por Barra de São Francisco, uma nova revolução”, disse Enivaldo.

O próprio ministro Tarcísio Gomes de Freitas publicou a notícia em sua conta no twitter: “Em sessão virtual, assinamos mais oito contratos de terminais portuários privados. Entre eles, o do terminal de Ilhéus (BA), onde desemboca a Ferrovia Oeste-Leste, e um em São Mateus (ES), com previsão de R$ 3,2 bi em investimentos. Já são 31 terminais assinados no Governo Jair Bolsonaro”.

Enivaldo dos Anjos fez várias indicações ao governador Renato Casagrande (PSB) de realização de obras de infraestrutura na região, notadamente a construção de rodovias de acesso a Urussuquara, interligando o Centro Portuário à Rodovia Governador Mário Covas (BR 101). “Agora, mais do que nunca, é urgente pressionar a ECO 101 para realizar a duplicação da BR, pois aumentará em muito o fluxo de caminhões na região”, disse Enivaldo.

Uma base oficial da Marinha do Brasil também será construída no Centro Portuário de São Mateus, segundo o presidente da Petrocity, o administrador José Roberto Barbosa da Silva. O anúncio já havia sido feito há alguns meses, quando oficiais de alta patente da Armada estiveram no Estado em audiência com o governador Renato Casagrande (PSB) para anunciar o projeto.

A base da Marinha visará a defesa estratégica da costa brasileira e a proteção do Parque Nacional Marinho de Abrolhos. De acordo com o presidente da Petrocity Portos, José Roberto Barbosa da Silva, o investimento no CSPM será de aproximadamente R$ 9 bilhões entre todos os projetos agregados ao terminal portuário. O porto, propriamente dito, está previsto para custar R$ 3,2 bilhões e será construído pela Odebrecht Engenharia.

“Depois da pandemia do coronavirus, o porto da Petrocity será o primeiro grande empreendimento privado no Brasil. É o único porto da região Sudeste dentro da área da Sudeste e terá forte impacto também sobre o Leste de Minas e o Sul da Bahia”, disse o dirigente empresarial, que salientou o apoio de Enivaldo dos Anjos desde que foi procurado em meados de 2018.

A Câmara Municipal de São Mateus já aprovou, em primeiro e segundo turno, em março último, o Projeto de Lei Complementar 001/2020 que altera a Lei Complementar Nº 123 , dispondo sobre a organização do espaço territorial do município de São Mateus. Com isso, ficou regulada a ocupação harmônica da área destinada ao Centro Portuário de São Mateus.