Enivaldo agradece a governador e diz que Barra de São Francisco vai superar a crise

1433

Na abertura do Seminário de Desenvolvimento de Barra de São Francisco, realizado nesta quinta-feira (01), o deputado Enivaldo dos Anjos (PSD) agradeceu a presença do governador Paulo Hartung (PMDB) e assegurou que, com responsabilidade administrativa, o município vai superar a crise econômica e financeira que enfrenta, fruto de desmandos cometidos pela administração anterior.

“Quem quiser ajudar o desenvolvimento de Barra de São Francisco, será bem vindo e reconhecido aqui. O governador Paulo Hartung tem conduzido o Estado em equilíbrio fiscal sem paralelo no Brasil. Os fornecedores têm respeito e confiança na administração, e este é o mesmo caminho que está sendo trilhado pelo prefeito Alencar Marim para tirar, junto com todas as pessoas de bem, o município dessa situação difícil em que foi encontrado”, disse Enivaldo.

Prefeitos de municípios vizinhos também participaram do encontro – Mantenópolis, Ecoporanga, São Domingos do Norte e Água Doce do Norte – e o deputado anunciou ao prefeito Elias Dal´Coll, seu companheiro de partido, que o governador irá no próximo mês a Ecoporanga discutir com a população estratégias e ações, principalmente, para enfrentar a crise hídrica com a construção de barragens.

“Já fizemos requerimentos de calçamentos e outras obras para Barra de São Francisco, mas antes a prefeitura precisa recuperar suas certidões negativas para poder receber esses recursos do Estado. O prefeito Alencar Marim, que é o único prefeito que venceu as eleições em todas as urnas, é um administrador firme e de palavra. É disso que o Brasil precisa, de prefeitos, governadores e presidente honestos e sérios, que respeitem o dinheiro público e não que o usem em benefício pessoal”, acentuou  Enivaldo.

E garantiu ao governador Paulo Hartung: “Pode confiar no município, que saberá retribuir o esforço feito do governo.  A cidade precisa disso, o povo deposita nele esperança de uma grande administração. Aqui nós começamos juntos e vamos morrer juntos, vamos trabalhar por Barra de São Francisco e pelo Espírito Santo. Isso é maior do que as desavenças pessoais”.