CPI dos Guinchos: ES já leiloou mais de trinta mil veículos

544
Diretor-geral do Detran-ES, Romeu Scheibe Neto
Diretor-geral do Detran-ES, Romeu Scheibe Neto

O diretor-geral do Detran-ES, Romeu Scheibe Neto, informou nesta segunda-feira (28/11/2016), em reunião da CPI da Máfia dos Guinchos, que no Estado havia 27 pátios para a guarda dos mais de 56 mil veículos apreendidos. Todos estão com licenciamentos vencidos ou preste a vencer e não há nenhum pátio credenciado.

O plano do Detran é iniciar o esvaziamento dos pátios com a realização dos leilões semanais. No primeiro leilão em 2016 foram vendidos mais de 30 mil veículos, correspondendo a mais de seis mil toneladas de sucata. Neste mês de novembro, o material leiloado foi entregue e liberados oito pátios. Restam ainda 19 pátios com cerca de 26 mil veículos apreendidos, informou Scheibe Neto.

A partir de dezembro, o órgão de trânsito realizará leilões eletrônicos semanais de veículos apreendidos e que estão guardados nos 19 pátios ainda existentes no Estado. Scheibe Neto disse que serão leiloados carros que tenham algum valor agregado e que os leilões eletrônicos foram adotados por ter maior número de interessados.

Segurança nos pátios 

Dos 19 pátios remanescentes, dez estão protegidos e seis estão com vigias contratados pelo Detran para evitar roubos de peças dos veículos, pois os pátios foram abandonados pelos antigos administradores. O departamento também está com dificuldades para ter acesso a três pátios, pois os administradores não permitem a entrada do órgão estadual.

Para garantir a segurança de seis pátios o Detran contratou empresa de vigilância por seis meses, dispendendo R$ 3 milhões. A CPI questionou tal forma de contratação do serviço e deve solicitar ao Tribunal de Contas do Estado (TCE-ES) informações sobre essa contratação sem licitação feita pelo órgão estadual.

Guinchos 

O órgão estadual de trânsito deve abrir licitação para a guarda de carros apreendidos e posteriormente para os serviços de guincho, informou Scheibe Neto. Ele considera que é um erro o administrador de pátio ser o responsável também pelo serviço de guincho.

Deputado Enivaldo dos Anjos
Deputado Enivaldo dos Anjos

Já do deputado estadual Enivaldo dos Anjos (PSD), presidente do colegiado, disse que não concordava que o serviço de remoção dos veículos apreendidos seja realizado pela iniciativa privada, pois na opinião dele nesse setor há corrupção e não há controle da legalidade das apreensões.

“Eu estava até ficando satisfeito, mas discordo quando o diretor fala que vai manter o contrato. Quando você entrega a remoção para terceiros, vira corrupção, safadeza. Esse serviço quem tem que prestar é o Detran-ES. Fazendo isso, o órgão vai oficializar mais uma safadeza no Estado”, ressaltou indignado o deputado.

Enivaldo dos Anjos tem recebido inúmeros elogios por parte da população, seja no Norte/Noroeste, Sul do Estado e na grande Vitória.

Guarapari 

Na reunião da CPI de 21 de novembro, Paulo Silas Vidal Benevenuto, presidente da Associação dos Taxistas de Guarapari, relatou que a prefeitura de Guarapari cassou a licença de 45 veículos de táxis, depois de ter publicado portaria na imprensa e sem avisar os taxistas. O diretor-geral esclareceu que deverá suspender os novos emplacamentos, caso se verifique alguma irregularidade, e cancelar as cassações realizadas pela prefeitura.