Comando do 6º Batalhão de Polícia militar se reuniram em Mantena para avaliações dos trabalhos

441

policiaNa manhã desta segunda-feira dia 09/03/2015, muitos mantenenses que passaram pela rua Sete de Setembro, em frente a sede da Assoleste, puderam ver várias viaturas policiais estacionadas, é que aconteceu em Mantena, a Reunião de Avaliação de Desempenho das Frações que compõe a área do 6º BPM ( Batalhão da Polícia Militar).

O encontro foi presidido pelo Tenente Coronel Menezes, que também é o comandante do 6º BPM. Mais de 40 militares, representantes de 20 cidades da região estiveram presentes, traçando metas, avaliando o desempenho e elaborando o que será o Plano de Gestão 2015 com metas e programas que serão desenvolvidos.

O momento é de definir estratégias, cumprir metas e a troca de informações e experiências colocadas à disposição das companhias que pertencem ao Batalhão. São Reuniões itinerantes importantes para o bom funcionamento do que se é proposto na área da segurança pública, momentos que reúnem os que promovem este confronto com a criminalidade bem como a aproximação com a comunidade, disponibilizando a paz e a ordem.

Motorista forja assalto com as mãos amarradas ao volante e acaba detido em Mantena

Em meio a fatos lamentáveis envolvendo assaltos a mão armada, incêndio de micro-ônibus e arrombamentos que aconteceram nos últimos dias em Mantena, na manhã desta segunda-feira dia 09 de março, a polícia militar de Mantena recebeu a informação de que o condutor de um veículo Ford KA de cor prata, teria sido assaltado e estaria amarrado pelos pulsos, ao volante do veículo, estacionado na estrada de terra que liga Mantena a Cachoeirinha de Itaúnas, próximo há uma matinha.

Os policiais foram até o local e ao chegarem localizaram o motorista, ele então mencionou que tinha sacado cerca de R$ 1.500 reais em dinheiro há alguns dias e ao entrar no seu carro, que estava estacionado na rua Santo Luzia, no centro de Mantena, foi abordado por um elemento moreno alto, que sacando de uma arma exigiu que entregasse todo o dinheiro.

O carro seguiu rumo a estrada de Cachoeirinha, onde então foi amarrado com Presilhas automotivas ao volante. Os policiais cortaram as Presilhas libertando o motorista. No interior do veículo foram encontradas três garrafas de água mineral vazias e no chão do carro estava um porta documentos com a quantia de R$ 359 reais. Foi então que fatos novos levaram os PMs a não acreditar na história contada pela vítima, a primeira foi que as “Presilhas” eram novas e havia marca de mordidas.

Foi ai que com indagações feitas pelos policiais no sentido de descobrir a verdade, e em função das várias contradições, o motorista resolveu contar o que realmente aconteceu, confirmando que o assalto com a simulação de um possível sequestro havia sido forjado.

Ele relatou que se amarrou ao volante, simulando o assalto por estar devendo certa quantia em dinheiro há um indivíduo que reside na cidade de Central de Minas, porém disse que havia deixado o dinheiro dentro do veículo, e que os valores haviam sumido. A vítima agora considerada autor, foi detida em flagrante delito e encaminhada à Delegacia de Polícia de Mantena para as demais providências.

Matadouro é invadido em Central de Minas e 60 peças de couro levadas por ladrões

Os roubos e arrombamentos não param na cidade de Central de Minas, desta vez o local invadido foi o matadouro da cidade, localizado há cerca de 1 quilômetro de Central, e foi justamente esta facilidade que os bandidos encontraram para entrar no local e roubar peças de couro. Segundo informações, os marginais chegaram ao local à noite e levaram cerca de 60 peças de couro bovino.

Prejuízos que vão se acumulando para pessoas trabalhadoras, pois além de mais este roubo, no decorrer deste mês lojas e residências também foram invadidas, levando insegurança para toda população.