Aula Inaugural do Curso de Corte e Costura no Barro Preto em Paulista será na segunda-feira (16)

407

O Senai vai iniciar o primeiro curso de Corte e Costura para 40 pessoas da Cooperativa das Costureiras da Associação de Moradores da Comunidade do Barro Preto, no distrito de Paulista a partir das 10h da próxima segunda-feira, 16 na sede da associação.

No dia 25 de março, uma equipe da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Cultura, Turismo e Geração de Empregos (Semdege), junto com técnicos do Senai/ES, esteve na comunidade para anunciar os cursos técnicos completos na área de corte e costura, como modelagem, corte e costura industriais em tecidos planos, moda praia, fitness e lingerie dentro do projeto da Escola de Corte e Costura no município.

Os cursos gratuitos serão disponibilizados pelo Senai inicialmente com 40 vagas e a perspectiva é que o novo empreendimento, além de proporcionar a capacitação profissional das costureiras, também impulsione a geração de novos empregos diretos e indiretos, abastecendo o comércio local.

“Estou abraçando essa ideia e vamos criar unidades produtivas como essa em todos os distritos. Vamos buscar parcerias para treinar as costureiras e capacitar o pessoal de apoio também. Será um projeto integrado e buscaremos o Sebrae e o Senai para nos ajudarem com isso. Queremos formar uma grande cooperativa no município para garantir o mercado para a produção. Nossa intenção, com isso, é implantar a indústria de confecção em Barra de São Francisco”, disse o prefeito Enivaldo dos Anjos.

Segundo o secretário municipal Guilherme Fernandes, Barra de São Francisco tem um grande potencial para o ramo de confecção e pode se tornar um polo têxtil, com a fabricação de peças de vestuário e roupas de banho.

“Estamos, através da nossa secretaria, criando um plano de ação, para resgatar esta atividade em nosso município, com a compra de equipamentos, e ofertando cursos de capacitação de mão de obra em todas as comunidades e distritos”, disse Guilherme Fernandes.