Aterros irregulares trazem transtornos a moradores após temporal em Barra de São Francisco

3621

img-20161212-wa0003As chuvas que caíram na noite deste domingo, 11/12, e madrugada desta segunda, 12, deixaram assustados moradores de Barra de São Francisco. Em algumas ruas do Bairro Vila Luciene o canal existente não conseguiu escoar toda a água e vários moradores foram atingidos e perderam móveis e outros bens materiais.

É necessário que a população esteja alerta para não ser pega desprevenida. As enchentes de 2013 que atingiram o município não deixou nenhum aprendizado. Desde 2013 foram feitos vários aterramentos em diversos bairros de Barra de São Francisco, construções foram feitas sem respeitar a distância mínima das margens dos rios, tudo isso sendo feito possivelmente com o apoio ou com o silêncio da prefeitura Municipal.

Veja um exemplo: na saída para Colatina, em frente a antiga serraria de granitos Mol, existia uma enorme área e várzea que foi aos poucos sendo aterrada, a própria prefeitura jogou entulhos nesse local para fins de aterro, costumeiramente se via máquinas trabalhando no local que que nenhuma ação fosse tomada pela prefeitura.

No trecho entre o Irmãos Fernandes e o Bairro Vila Vicente foram feitos o aterro de duas represas, outro proprietário próximo também fez aterro nas margens do rio São Francisco, próximo à Associação Banestes foi feito um enorme aterro que trará sérios transtornos aos moradores próximos.

Como se vê em três anos possivelmente nada foi feito pelo Poder Público para amenizar o problema das enchentes e muito foi feito para agravar a situação. Se tiver uma nova enchente na cidade de Barra de São Francisco a atual administração possivelmente terá uma enorme parcela de culpa nisso.

img-20161212-wa0004