Associação de Catadores de Lixo está levando “calote” da prefeitura de Barra de São Francisco

673
Foto arquivo
Foto arquivo

O vereador Valézio Armani (PSD), descobriu mais uma “farsa” do prefeito de Barra de São Francisco, onde os catadores de lixo, lhe pediu apoio, pois eles não recebem da prefeitura nem a troca de reza brava. Valézio tem sido um parlamentar atuante e foi acionado pelos catadores de lixo que deveria ser reciclável, mas a situação verdadeira e está nua e crua.

De acordo com Valézio, a prefeitura fez um contrato com a Associação de Catadores de Lixo no valor de R$ 24 mil reais, que seriam pagos em três parcelas, sendo a primeira em outubro, a segunda em novembro e a terceira em dezembro de 2015.

O descaso com os trabalhadores na reciclagem de lixo é tão grande, que eles receberam apenas o mês de outubro, assim mesmo no final de dezembro, faltando ainda a receber os meses de novembro e dezembro de 2015.

Valézio Armani sai em defesa da associação
Valézio Armani sai em defesa da associação

“Pedimos aqui que o prefeito se sensibilize e paga o que é de direito a Associação de Catadores de Lixo, lembrando que a prefeitura teve uma arrecadação de mais de R$ 90 milhões liquido, no ano de 2015, sem contar os recursos que vieram como estadual e federal. Abre o olho povo francisquense”, encerra Valézio.

Este é o prefeito de Barra de São Francisco, que ocupa um espaço em uma emissora de rádio da cidade aos sábados para dizer que as coisas estão as mil maravilhas. A mentira tem as pernas curtas e o prefeito está tropeçando em suas próprias penas e mordendo na própria língua.