Apesar de raro, câncer de mama em homens pode ser fatal se não houver diagnóstico precoce

185

Neste mês em que as atenções se voltam para o Outubro Rosa, os homens precisam se atentar ao fato de o câncer de mama não ser restrito às mulheres. Apenas 1% é o total de homens acometidos pelo câncer de mama no Brasil em relação às mulheres. A incidência masculina é tão rara e pouco frequente que, de acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), não entra nas estimativas.

Porém, especialistas alertam que, apesar de rara, a doença pode ser fatal se não for diagnosticada precocemente. Alterações como protuberância ou inchaço, geralmente (mas nem sempre) indolor, pele ondulada ou enrugada, retração do mamilo e vermelhidão ou descamação da pele da mama ou do mamilo são alguns dos sinais do câncer de mama em homens.

O mastologista Cleverson Gomes do Carmo Junior explica que existem muitas semelhanças entre o câncer de mama em homens e mulheres, mas também algumas diferenças importantes que impedem o diagnóstico precoce da doença. “A principal diferença entre a mama masculina e a feminina é o tamanho. Os tumores na mama dos homens tendem a ser um pouco menores do que nas mulheres e, na maioria das vezes, quando diagnosticados, já se disseminaram para tecidos adjacentes. Além disso, outra importante e alarmante diferença é que alguns homens têm vergonha quando encontram um nódulo na mama e temem que alguém possa questionar a masculinidade. Isto também pode retardar o diagnóstico e reduzir as chances de sucesso no tratamento”, alerta o especialista da Medquimheo.

Prevenção

Ainda de acordo com o mastologista, os homens podem adotar algumas ações para reduzir o risco de desenvolvimento do câncer de mama, como manter um peso corporal saudável e a evitar consumo excessivo de álcool.

“As melhores estratégias para reduzir o número de mortes causadas pelo câncer de mama são a detecção precoce e o tratamento imediato. O diagnóstico precoce é um problema para os homens, que tendem a ignorar os nódulos mamários e a consultarem um médico, mesmo quando esses nódulos já aumentaram de tamanho. Em geral, os homens são diagnosticados com câncer de mama em estágios mais avançados do que as mulheres. É por isso que reitero a importância de conscientizar e se atentar aos sinais da doença e a cuidar da saúde”, explica o médico.