Vigilância Epidemiológica confirma caso de malária em São Gabriel da Palha

235

A Vigilância Epidemiológica de São Gabriel da Palha confirmou nessa semana a existência de um paciente com malária no município, de acordo com a coordenadora da vigilância, Juliana De Nadai Peterle, o caso é pontual e o paciente  morador do bairro Vila Comboni, contraiu a doença no Estado do Mato Grosso, no Norte do país onde a doença é mais comum. A coordenadora explicou que a confirmação não é motivo para pânico, e que o paciente já está sendo medicado e acompanhado pela Estratégia de Saúde da Família.

Segundo ela a doença é transmitida através do mosquito, e que já está sendo adotadas as medidas de prevenção através do bloqueio da área com borrifação feita pelos agentes de endemias, Juliana lembrou que não é a primeira vez que esse mesmo paciente contrai malária.

A coordenadora da vigilância epidemiológica orienta a população que em caso de viagem para locais endêmicos (Norte do Brasil), sempre que retornar, a pessoa deve procurar o posto de saúde para fazer o exame de gota espessa; e ressaltou que em nossa região é preciso uma atenção maior voltada ao combate e prevenção á dengue, pois os casos têm aumentado a cada dia.

“Sobre a dengue, é importante eliminarmos os focos do mosquito, principalmente nessa época com a chegada das chuvas, onde acumula água e os reservatórios acabam sendo formados, e acontece o ciclo de transmissão, pois tem o mosquito, o reservatório e tem o hospedeiro, que somos nós; é muito importante eliminarmos os locais que possam contribuir para a procriação do mosquito transmissor da dengue, vamos ficar atentos em lixos em quintais, lotes baldios, construções, dentro de nossas casas, e qualquer sintoma (dor de cabeça forte, dor no corpo, febre, vômito),  a pessoa deve procurar imediatamente o posto de saúde mais próximo, evitem ir para a fila do hospital, as esquipes das unidades básicas de saúde estão prontas para realizar os exames”, disse a coordenadora.

Fonte: Portal Momento