Gastos da Câmara de Colatina com diárias e passagens cresce 35%

57

A Câmara de Colatina registrou um aumento de 35% nas despesas com diárias e passagens dos 15 vereadores e dos servidores em 2018, se comparado ao ano anterior. Os gastos dos últimos doze meses somam um total de R$ 84.148,06. Em 2017, a quantia desembolsada pela Casa da cidade foi de R$ 54.525,07

Só em maio do ano passado, mês em que mais houve gastos desse tipo, foram repassados R$ 29.897,29 para vereadores e servidores comissionados participarem de cursos de capacitação de gestores públicos. Em dezembro, quatro vereadores gastaram R$ 4.199,60 cada para participarem de um curso ministrado em Curitiba, no Paraná, entre os dias 12 e 16 do mesmo mês.

Atual presidente da Câmara de Colatina, Eliesio Bolzani (PP) aparece como o quinto vereador que participaria do curso e receberia igual quantia. “O curso é válido. Eu não fui porque tinha compromissos mais importantes que foram adiantados”, explicou. “Esses gastos são apropriados desde que tragam melhorias para o mandato, porque assim ele se transforma em benefícios para a população”, disse.

No entanto, esta não é a impressão que tem o aposentado Darly Ramos, morador do município. “Não volta um centavo em benfeitorias para a população. Nunca mais vamos ver esse dinheiro. Nós só pagamos”, reclamou. A também aposentada Magda Goreti vai além. “Eles precisavam ajudar mais a população, porque na hora de pedir voto todo mundo vai até as nossas casas, mas, depois, esquecem da gente”, desabafou.

Para 2019, Bolzani afirmou que a Câmara de Colatina possui o mesmo orçamento para gastar com diárias e passagens, mas que espera reduzir tais despesas. “O vereador tem direito a se atualizar, mas queremos cada vez mais diminuir os gastos com dinheiro público”, comentou. No ano passado, o Legislativo municipal devolveu quase R$ 1,5 milhão à prefeitura.

Fonte: gazetaonline

 

COMPARTILHAR