Construção do campus do Ifes será retomada em Barra de São Francisco

291

O secretário de Educação Profissional, Ciência e Tecnologia, Alexandro Ferreira de Souza, fez sua primeira viagem como ocupante do cargo a Barra de São Francisco, nesta sexta-feira, 8, quando assinou como testemunha na Ordem de Serviço para o reinício das obras de construção do campus do Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes), no Valão Fundo. A obra, que vai custar R$ 10,5 milhões, já tem disponíveis R$ 3 milhões para o início e mais R$ 3,5 milhões assegurados, graças a emendas parlamentares do deputado federal Lelo Coimbra.

Além dele, o reitor do Ifes, Jadir Pela, o deputado estadual Enivaldo dos Anjos, o prefeito Alencar, o diretor do campus do Ifes, José Alexandre Gadioli e o senhor Jorge, proprietário da empreiteira responsável pela obra compuseram a mesa.

Gadioli abriu o evento fazendo agradecimentos nominais às pessoas que tornaram possível a retomada da obra, que estava paralisada desde 2015. Ele citou o empresário Hiram Coimbra, que cedeu parte da sua propriedade para que a obra fosse feita e destacou o deputado federal Lelo Coimbra e a senadora Rose de Freitas, como as pessoas que mais contribuíram para que os recursos para a obra fossem conseguidos.

Citou ainda os demais proprietários rurais no entorno do campus, que ajudaram a manter o local seguro, os profissionais do Ifes e o prefeito Alencar Marim, que ele destacou como parceiro de primeira hora do projeto.

O reitor Jadir Pela, por sua vez, destacou a força dos institutos federais no Brasil, apontando os números totais, que somam mais de 600 campi e 1,090 milhão de alunos pelo país. Parabenizou o diretor Gadioli e o prefeito Alencar, por terem permitido que a obra fosse retomada, com o apoio do deputado Lelo Coimbra e da senadora Rose de Freitas. “Temos que agradecer a muitas pessoas por termos conseguido, em um ano de trabalhar, conseguir retomar essa obra.Teos R$ 7,5 milhões, agora só faltam R$ 3 milhões. Não que eu esteja cobrando, é só um lembrete para o nosso secretário do Cetec”, brincou.

O deputado estadual Enivaldo dos Anjos também parabenizou a todos pelo trabalho de retomada da obra e salientou, falando em nome do governador Renato Casagrande, que o governo do Estado fará tudo que puder para ajudar. Enivaldo também sugeriu que, algum lugar do campus, haja uma homenagem ao senhor Narciso Coimbra, pai do ex-proprietário do local, Hiram Coimbra. “Era uma pessoa muito querida e importante para o desenvolvimento do município”, reivindicou.

O prefeito Alencar Marim fez uma ligação entre a audiência pública sobre a barragem no Itaúnas e a instalação do campus do Ifes, lembrando que, por falta de conhecimento, algumas pessoas acabam interferindo em projetos de grande importância para a comunidade. “O Ifes é um exemplo de excelência na educação profissionalizante e graduação. A instalação desse campus abre um leque incomensurável de oportunidades para toda a nossa região”, afirmou.

Por fim, o secretário nacional de Educação Profissionalizante, Ciência e Tecnologia, Alexandro Ferreira, disse que estava muito feliz por fazer sua primeira viagem em um cargo para autorizar uma obra de construção de mais um campus. Ele disse ainda que, como professor, se sente triste com os indicadores da educação no país, mas que sua esperança está aumentando ao ver grupos de pessoas tão dedicadas ao setor, como as que ali estavam.

Já o empreiteiro, informou que a obra terá início na terça-feira, 12 e deverá ser concluída até o final do ano que vem, ou seja, em 2021, o campus já estará funcionando, com dois blocos (prédios).

Por: Weber Andrade