Combate de Enivaldo dos Anjos à máfia do guincho repercute em Minas Gerais

171

O trabalho do deputado estadual Enivaldo dos Anjos (PSD) no enfrentamento à máfia dos guinchos capixaba, como presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Assembleia Legislativa do Espírito Santo, está repercutindo também em Minas Gerais, onde um candidato a deputado estadual do PSC não apenas encampou a ideia como bandeira, mas gravou um vídeo, que está veiculando nas redes sociais, pedindo voto aos capixabas para o deputado do PSDe.

Adelino Cândido é do PSC, nascido em Belo Horizonte, mas com parentes morando em São Domingos do Norte, na região Noroeste do Estado. Ao visitar seus parentes na cidade capixaba, Adelino gravou um vídeo e postou nas redes sociais justificando porque ele, que é mineiro e concorre ao Parlamento daquele Estado, resolveu pedir voto para Enivaldo no Espírito Santo.
“Isso é iniciativa minha, sem qualquer vinculação pessoal com o deputado, mas em reconhecimento ao que ele fez pelos capixabas. Em Minas Gerais temos uma situação terrível de apreensão de veículos, carros e motos por IPVA atrasado e recolhimento a pátios espalhados em todo o Estado, onde os veículos são amontoados de qualquer jeito, igual havia no Espírito Santo. Felizmente, vocês têm um homem como Enivaldo dos Anjos que encarou esse desafio e precisam manter ele na Assembleia”, disse Adelino.
Quem também gravou em apoio a Enivaldo dos Anjos foi o governador Paulo Hartung (MDB): “Enivaldo está realizando um belo mandato na Assembleia Legislativa. Fez o debate da máfia dos guinchos e ajudou o nosso Detran a reorganizar essa área no Espírito Santo. Participou do debate das emissões de pó preto do complexo de Tubarão e conseguimos uma vitória importante: assinamos os dois termos de compromisso com Vale e Arcelor, em investimentos que passam de R$ 1,8 bilhão, o que vai gerar empregos e qualidade de vida para os capixabas”.
Adelino mora em Belo Horizonte, mas concentra sua atuação político-eleitoral na região Leste de Minas, que faz divisa com o Espírito Santo, especialmente nos municípios de Governador Valadares, Mantena, São João de Manteninha, Central de Minas, Mendes Pimentel e Nova Belém. Sua candidatura foi motivada pelo seu trabalho voluntário gratuito em defesa do consumidor e na área social, tanto em Minas quanto na região Noroeste do Espírito Santo.
“Eu não pensava em candidatura, mas fui muito incentivado e me inspirei no trabalho que o deputado Enivaldo dos Anjos faz no Espírito Santo.Vou seguir o exemplo do Enivaldo e comprar essa briga em Minas Gerais, onde o Estado não respeita os artigos 5º e 170 da Constituição Federal e oprime o cidadão. Se eu chegar à Assembleia de Minas, vou defender uma CPI da Máfia dos Guinchos lá também”, disse Adelino.
Paulo Hartung ainda salientou a combatividade de Enivaldo dos Anjos na defesa dos interesses da região Noroeste e até brincou com o slogan de campanha do candidato – “Café no Bule, só tem quem faz”. “Enivaldo é um leão quando defende sua região Noroeste, por isso ele tem meu apoio. Ele vem com o bule e eu coloco café dentro do bule”, disse Paulo Hartung.

COMPARTILHAR